Por dentro do aplicativo da Rotina

 

E se você pudesse ter toda a sua rotina na palma da mão?

Aqui você pode! O nosso aplicativo já é realidade e nós te contamos tudo sobre ele agora!




Comprar ou alugar um imóvel é uma tarefa que requer tempo e paciência para pesquisar e visitar inúmeros endereços antes de tomar uma decisão.
Foi pensando nisso que a Rotina Imobiliária criou seu próprio app.

O principal diferencial deste aplicativo é que ele foi pensado para os inquilinos e para os proprietários.
Com ele, você pode ter
acesso facilitado a serviços e informações essenciais de forma simples e eficiente.

Assim, é possível acessar os contratos dos imóveis, verificar a movimentação financeira, baixar segunda via de boletos atualizados, solicitar serviços, demonstrativo de IR e acompanhar o andamento das solicitações.

Conheça um pouco mais:

 

Na Área do Cliente são disponibilizadas as seguintes funções: 


- Meus imóveis: informações sobre cada imóvel conforme código, finalidade, tipo e valor negociado.

- Contratos: informações necessárias sobre todos os contratos de ambas as partes.

- Boletos: uma ótima opção para acompanhar os boletos já emitidos ou para gerar segunda via de maneira fácil e rápida.

- Solicitar serviços: Um novo método para que o cliente solicite serviços de reparos ao imóvel e assim, acompanhar o andamento da solicitação, sendo possível enviar fotos do referente reparo.

 

Essas são só algumas das funcionalidades do aplicativo da Rotina.

O nosso lema é: Unir tradição e inovação. Por isso que, aqui na Rotina, sempre pensamos em sua comodidade em todas as etapas.

Queremos que você tenha total independência e clareza na hora de vender, comprar ou alugar.

 

Baixe o app e aproveite todos os nossos benefícios.

 

É um prazer fazer parte da sua Rotina!

 

Siga nossas redes sociais e conheça mais sobre o nosso trabalho.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em 2022 devo alugar ou comprar?

Imóveis de alto padrão: É um bom investimento?

O que é cartório de registro de imóveis e qual a sua importância?